quarta-feira, outubro 26, 2005

SALVO ERRO

Uma evocação pontuada por um
"salvo erro",
função correctiva da linguagem,
desculpabilizadora,

mas tudo o que lembramos
é "salvo erro"
porque recoradar já é quase
um erro uma vez

que nada, nem em filme,
acontece de novo
e só sabendo isso os erros
nos podem salvar.

Pedro Mexia, idem.

1 comentário:

João Scottex disse...

Será mais vou confirmar...
Na vida não o podemos fazer,
pode ser tarde!
Bjx